Entre em sua conta



Crie sua conta


Dados Pessoais

Endereço

Dados da Conta


Direto de Viver será nos dias 24, 25 e 26 de novembro

02 de outubro
000

Promovida pela AVCCB em prol do Hospital de Câncer de Barretos, meta da festa deste ano é arrecadar R$ 700 mil

A apresentação da festa Direito de Viver, em prol do Hospital de Câncer de Barretos, foi feita na noite da terça-feira (26), na sede da AVCCB (Associação de Voluntários no Combate ao Câncer de Bebedouro). A festa deste ano será nos dias 24, 25 e 26 de novembro, com meta de arrecadação para este ano de R$ 700 mil
Jorge Dezem, voluntário da AVCCB, apresentou o slogan da festa: “Juntos somos mais fortes”. Para ele, “este é um chamado de Deus, é uma missão que temos”, disse.
As cartela dos bingos serão vendidas a R$ 40 reais cada, sendo disponibilizadas 10 mil cartelas. “Baixamos o preço, era R$ 50 no ano passado. Baixamos para todo mundo poder comprar e concorrer a prêmios”, completou Dezem. 
Como prêmios, mais de R$ 120 mil. Na sexta-feira (24 de novembro), serão duas poupanças, sendo uma de R$ 5 mil e outra de R$ 15 mil. Para o sábado (25 de novembro), duas poupanças de R$ 5 mil. Nos dois dias, a festa começa às 20h.
O domingo (26 de novembro), a festa começa às 10h no Sambódromo, de onde sairá a Cavalgada Salvando Vidas. A chegada ao recinto da festa, na Feccib Velha, está prevista para as 13h, e logo em seguida começará o Leilão de Gado. Nos bingos, os prêmios são uma poupança de R$ 5 mil e outra no valor de R$ 80 mil. “Ou um terreno de R$ 60 mil que o empresário José Francisco dos Santos doou e mais R$ 20 mil em dinheiro, ou R$ 80 mil em dinheiro mesmo. O José Francisco doou o terreno, mas se comprometeu em dar em dinheiro se a pessoa que ganhar preferir”, disse Dezem. 
Para as empresas ou para quem quiser colaborar, será vendida da pedra de bingo a R$ 300 com direito a duas cartelas de bingo. “Ou seja, sai por R$ 220 a pedra com divulgação para a empresa e ainda concorre a prêmios”, destacou Dezem.
Os binguinhos (bingos menores realizados durante a festa), terão como prêmios 03 iPhones, 03 iPads, poupanças relâmpago de R$ 1 mil a R$ 2 mil e um prêmio surpresa.
José Geraldo da Silveira Mello, coordenador de captação de recursos da associação, iniciou a apresentação falando sobre a importância de doarmos. “Somos anjos cor de rosa que cuidam dos que precisam. A AVCC foi um desejo nosso de integrar as voluntárias e as doações, mas principalmente ajudar mais de perto os que precisam. Fazer o elo, a aproximação junto ao hospital e isso está nos fortalecendo e incentivando a ir mais e mais. Em cada atendimento vemos a mão de Deus agindo, e essa conquista vem junto com o desafio de continuarmos sempre. Com o McDia Feliz conseguimos ganhar de cidades como Rio Preto, pois botamos a mão na massa, vendemos para empresas e ainda conseguimos reverter para APAE, Educandário e outras instituições, proporcionando às crianças atendidas um momento único”, disse. 
No sábado (30), a AVCCB realiza o Jantar Árabe, destinando 100% da receita para os 4 asilos da cidade (Recanto São Vicente de Paulo, Vila Vicentina, Vila Lucas e Lar do Idoso). “Contaremos os idosos que cada instituição cuida e dividiremos o valor per capita. É nosso retorno para a sociedade que tanto nos ajuda. Quem precisar de ajuda pode nos procurar, o Hospital de Câncer colocou uma moça especialmente para nos atender. Além disso, temos o Passos que Salvam, que vem para ajudar na arrecadação”, completou Marcos Mutton, diretor financeiro da AVCCB
A AVCCB já está com os kits da Caminhada Passos que Salvam à venda. Composto por com boné, camiseta e mochila, o kit custa R$ 35 e este ano a camiseta pode ser sob medida, não tamanho único como nos outros anos. “Quem comprar antes pode ver a numeração que o Hospital de Câncer mandará para nós, assim fica melhor para não dar problema com o tamanho. A Caminhada sairá no dia 25 de novembro da praça do Coreto do Jardim Paraíso em direção à festa, com a Banda da Lua tocando no jardim da praça para animar”, disse Dulce Helena Pelegrin Pavani, voluntária da AVCCB.


Deixe um comentário