Entre em sua conta



Crie sua conta


Dados Pessoais

Endereço

Dados da Conta


Animais soltos continuam preocupando na Zona Sul

29 de janeiro
000

Vaca ficou quase uma semana perambulando pela Praça Nivaldo Salvador 

“Vacas continuam a pastar livremente pela Zona Sul” foi a manchete que publicamos sempre, e os leitores devem achar que estamos repetindo reportagens. Infelizmente não. Tudo continua da mesma forma e as animais continuam livres e soltos, apesar da reclamação dos moradores e até da base aliada do governo. A foto que ilustra esta reportagem foi tirada durante a semana na Praça Nivaldo Salvador, mais conhecida como Praça do Educandário, que foi praticamente o lar da vaca a semana toda. Às vezes ela se cansava de pastar na praça e ia para a avenida São Francisco, que tem um alto fluxo de veículos. 
Somente após nossa reportagem ligar para a Guarda Municipal é que o animal foi retirado do local. Como a retirada não foi acompanhada por nossa reportagem, não sabemos de quem é o animal, se ele foi recolhido pelo dono ou se está apreendido. O que sabemos é que animal solto em via pública pode causar acidente.   
Há algum tempo, na vicinal que dá acesso a Andes, uma moto se chocou contra um cavalo e o motorista morreu. Até quando motoristas e pedestres terão que conviver com isso? Quantas vidas ainda serão necessárias para que a Prefeitura tome providências? A seção III do Código de Postura do Município (Das Medidas Referentes Aos Animais), diz no Artigo 147: “os animais encontrados nos logradouros públicos serão recolhidos ao depósito da Municipalidade”. O Artigo 148 diz que “O animal recolhido em virtude do disposto nesta seção deverá ser retirado dentro do prazo máximo de 3 (três) dias, mediante pagamento da multa e da taxa de manutenção respectiva. Parágrafo Único: Não sendo retirado o animal nesse prazo, deverá a Prefeitura efetuar a sua venda em hasta pública, precedida de necessária publicação ou encaminhá-lo ao órgão competente”. Sobre as penalidades para quem cometer tais infrações, o Código de Postura diz: “Na infração de qualquer artigo desta seção, será imposta uma multa correspondente ao valor de 10 UF (Unidade Fiscal).” Em janeiro deste ano, o prefeito Fernando Galvão assinou decreto informando o valor de R$ 96,90 para casa Unidade Fiscal, de modo que a multa a ser paga pelo proprietário dos animais seria de R$ 969,00. 


Deixe um comentário