Entre em sua conta



Crie sua conta


Dados Pessoais

Endereço

Dados da Conta


Instalação de passarela no Lago gera polêmica nas redes sociais

05 de maio
000

Projeto de revitalização inclui toda orla do lago, desde o museu até o sambódromo, mas internautas questionam utilidade de passarela ao lado da ponte

A instalação de uma passarela ao lado da ponte da Avenida Donina Valadão Furquim, no Lago Artificial, anda causando polêmica nas redes sociais e em toda a cidade. Desde a tarde da sexta-feira (08), quando as primeiras peças de aço começaram a chegar juntamente com um guindaste, ocasionando a interdição temporária da via, os comentários começaram a surgir sobre para que seriam tais materiais. Logo o assunto tomou conta das redes sociais e rodas de amigos que questionavam a necessidade de uma passarela ao lado de uma ponte. Diversas “teorias” foram surgindo, juntamente com vídeos e postagens em sua maioria contrárias à colocação da passarela, o que fez o vereador José Baptista de Carvalho Neto, o Chanel (SD), um dos responsáveis pela vinda da verba, se manifestar na tribuna da Câmara na segunda-feira (11).

Ele se comparou ao presidente Jair Bolsonaro (PSL), que segundo ele foi atacado por pessoas e pela imprensa e depois ganhou a eleição. Visivelmente irritado, provavelmente por conta da grande repercussão que o caso tomou e que talvez não tenha sido a repercussão desejada, ele mais atacou do que explicou o fato. “Venho esta noite esclarecer a população que as vezes é desinformada por grupos políticos que estão se formando, eu achei que é muito cedo a política começar, a eleição é só a partir de agosto do ano que vem. Mas pessoas ligadas a grupos políticos estão formando de ataques, querendo conduzir a população a um entendimento que eles dizem ser corretos, tentando fazer com que isso seja opinião de outras pessoas, tentando colocar palavras na boca da população que não acompanha de fato a política na sua integridade. Videozinhos tentando denegrir pessoas. As pessoas estão indo para as redes sociais tentando induzir (...) O projeto é maior do que as pessoas estão querendo deturpar. Não foi começado por mim, mas pelo arquiteto João Valente que já é falecido, e as faculdades fizeram projetos para readequar ao projetos inicial e ser revitalizado. Os R$ 1,3 milhão do Paulinho da Força é a fundo perdido, não vamos ter que pagar R$ 1 por ela. É dinheiro de impostos que se não formos buscar ele não vem para a cidade. Você não precisa ter deputados dentro dos ministérios para conseguir o dinheiro, basta ter bons projetos, apresentá-los e se ele for bom, o dinheiro vem. Tem outras fases que virão, começamos pela mais cara, depois vem a mais barata”, disse.

Falando bem vagamente sobre o projeto, ele disse ser maior do que a passarela. “Depois vem a parte que servirá para os ambulantes, não quiosques, mas muito melhor e inovador. O projeto não se coloca apenas uma passarela, ele é um todo, e quem é engenheiro sabe que uma passarela daquele tamanho que vai ser feito tem que ter fundação, senão ela cai. A Caixa aprovou, tem uma norma, e quem consegue tem que seguir uma norma técnica, não é aquilo que você quer. Tem que seguir regras e gastar no que o MT quer e no que a Caixa quer. Quem tiver dúvidas me procure, eu busco solução para várias coisas da cidade. Não viram o projeto inteiro, que é belíssimo, e querem deturpar. Aquilo vai virar um belo parque com árvores dos dois lados, é uma área do município. A ponte é parte de um projeto até a Cap 1, é muito grande. Escolhemos revitalizar onde o povo fica. Estou tranquilo com esses ataques pois somos pessoas maiores que tudo isso. Bebedouro é maior que isso, há pessoas que querem trabalhar por isso. Deus vai julgar cada um, e respeito cabe em todo lugar”, desabafou.

Segundo o site da Prefeitura, tudo foi colocado no “mesmo balaio”:  desassoreamento do lago, Parque da Família, Ciclofaixa e até a reabertura do Museu. “A Prefeitura de Bebedouro, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, trabalha na revitalização do Lago Artificial, que entra em nova fase. Após o desassoreamento do lago, a inauguração do Parque da Família, Ciclofaixa, reabertura do Museu, agora vem a fase de instalação da passarela metálica (para ciclistas e pedestres), que abrangerá o trecho entre a Praça Santa Paula Frassineti e a Avenida Hugo Turchetto, local muito utilizado pela população da cidade para a prática de atividades físicas. O repasse conquistado através do vereador Chanel e do Deputado Federal Paulinho da Força, atende uma série de serviços estruturais além da instalação de passarela, iluminação na orla do Lago e troca das luzes das Avenidas Hércules Pereira Hortal e Sérgio Sessa Stamato. Foram instaladas grades de proteção em todo entorno do local para garantir maior segurança à população. O recurso por lei tem aplicabilidade específica, destinada para investimentos na área de fomento do Turismo local, não podendo ser gasto em outras áreas. O projeto original foi modernizado e prevê iluminação de toda a área externa do Museu Eduardo A. Matarazzo, reforço da iluminação pública da Praça Carlos Gomes (ao lado do museu) e em todo o Parque Centenário, área que vai desde a Praça Santa Paula Frassinetti até o sambódromo, além de rampas para cadeirantes e idosos”.

 

Sem perdão

Como é de costume, a falta de comunicação adequada e a vontade de querer “enfiar goela abaixo” por parte do Poder Público gerou desconfianças na população, que não perdoou o fato de a cidade ter outras demandas mais importantes. Teve até diretora de jornal que entrou na defesa do projeto, tentando fazer as vezes de “assessora de imprensa” ou “porta-voz da Prefeitura”. Em uma das postagens, o jornalista Diego Pessôa questionou a necessidade da passarela bem ao lado da ponte. “Pense numa passarela que vai DESTRUIR a paisagem do Lago de Bebedouro/SP. Pior, uma passarela que leva nada a lugar algum. Construída bem ao lado de uma ponte que já tem espaço para pedestres!!! E com dinheiro do Ministério do Turismo... Que tristeza, meu Deus. A farra com dinheiro público”, escreveu. Cerca de 5 minutos após a postagem de Diego Pessôa, a diretora da Gazeta de Bebedouro, Sarah Cardoso, escreveu: “Por amor ao debate, Diego, não concordo com você. E ligar nada a lugar algum também não é verdade. Formaram-se novos bairros acima do lago que irão ter acesso à pista de caminhada e de bike e também ao Parque da Família e ao sambódromo. Na verdade, especial para os praticantes de exercícios, que não precisam das avenidas para se exercitar. É um projeto bonito que respeita a paisagem do lago e agrega. Dentro deste projeto são vários os itens de melhorias, dentre eles, calcamento, iluminação, arborização. Acompanhe pela Gazeta. Você vai gostar e mudar de opinião. Abraço”.

O munícipe Murillo Romera também fez uma publicação sobre a passarela, com 190 comentários e 157 compartilhamentos. Ele escreveu: “Cidade completamente abandonada, cheia de buracos, saúde precária e esse prefeito preocupado com passarela que custou mais de R$ 1 milhão... Detalhe, uma passarela do lado de uma ponte, para que finalidade isso?” 

Vamos reproduzir aqui alguns comentários. 

Cassia: Vota 25, gente !!!!!

André: Sinceramente, não entendo qual sentido dessa passarela sendo que tem a calçada do lado. Podia por essa passarela aqui na pista do Claudia que é extremamente perigoso atravessar.

Kaka: esperem mais um pouco e todos veremos... esta conversa de passarela que liga nenhum lugar a lugar nenhum não existe, viu!!!

Michel: É, e quando achamos que tá ruim, vem o prefeito e piora, gasta dinheiro onde não tem nada a ver

Rogério: Ele tá de brincadeira com o povo, só pode. A cidade está um caos por conta dos buracos, obras que não são terminadas, entulho pela cidade inteira, os caminhões de coleta de lixo só por Deus, tenho dó dos meninos que trabalham colendo o lixo em situação precária. Bebedouro está um caos e gastando dinheiro à toa, Muitos estão falando que é investimento de um empresário, se for mesmo dá prioridade em outro setor não em uma ponte onde não vai levar em lugar nenhum. Indignada como cidadã bebedourense.

Kaka: se vocês olharem direitinho verão para aonde essa passarela está levando. Pra vila que não é!

Bruna: com coisa que rico vai atravessar pra ir no lago... rs

Ademilson: Eu conheço Bebedouro há mais de 50 anos, o bebedourense nunca precisou de passarela neste lugar, tanto é que nunca cobrou prefeito nenhum para fazer uma passarela naquele lugar. É um dinheiro jogado fora que poderia muito bem ser investido no hospital que está uma draga, atendimento muito bom mas de que adianta se tem só um médico para atender centenas de pessoas? Este nosso prefeito é uma vergonha.

Hellen: Gente, e sem falar na Fatec, onde está ...que até agora não chegou ainda... As ruas estão todas cheias de buracos ...a cidade está abandonada, isso sim...

Joao: Fatec tem desde 2014/2015, só não fizeram o prédio ainda porque são um bando de imprestáveis

Rosangela: E fique feliz, porque agora somos uma cidade MIT.
Uma cidade linda, cheia de turismos, lindos buracos serão visitados. Gente, vamos plantar uma muda de dólares e plantas em cada buraco, assim os turistas vão amar e nos trazer empregos como disseram no site da prefeitura. Ah, fala sério viu.

Saulo: Cadê os 70% que votaram no excelentíssimo prefeito. Cadê?  

Geysa: Fiquei pensando, será uma ponte dos milagres!!?? Pois será por acaso que passemos por ela e, plim...plim, a cura para todos os problemas da cidade e de seus moradores se resolverão. Oremos.

Gracy: Exatamente, pra que? Bebedouro tem outras prioridades.

Juliana: Chega a doer o peito de ver uma m... dessa. O lago está abandonado, ontem fui descer com a minha filha lá na parte de baixo, está um perigo só, mato, as tábuas da ponte soltando, um descaso. Porque não dá manutenção no que já tem.
As ruas estão horrorosas, você desvia de um buraco cai em outro, quando não tem que andar em mão que não é sua para desviar dos buracos, correndo até risco de bater.
É a famosa conta que não bate. Eu fiquei lá 5 minutos com a minha filha e sai, não tem condições aquele lugar que era tão lindo estar daquele jeito. Sem falar no sambódromo, que aquelas arquibancadas parecem que vão cair a qualquer momento.

Ricardo: O bebedourense tem o prefeito e os vereadores que merecem. 
Quem mandou votar nesses f*@#? Daqui a pouco tem eleições municipais, é só não vender voto por cesta básica ou contas atrasadas quitandas e ou perdoadas. Tenho certeza que muitos aqui votaram neste Fernando ou em algum dos vereadores que lá estão dividindo dinheiro de propina.

Passarela que será instalada no lago, motivo de intensos debates nas redes sociais. No detalhe, local exato a instalação, bem ao lado da ponte, ligando parte do lago à mata


Deixe um comentário