Entre em sua conta



Crie sua conta


Dados Pessoais

Endereço

Dados da Conta


Aeroclube de Bebedouro realizou 1º voo solo de mulher

16 de maio
000

Gaby Teclak foi a primeira mulher a realizar o voo solo em planador na cidade
 
Uma das maiores emoções na vida de uma aviadora é o primeiro voo solo, em que ela decola, voa e pousa sozinha, sem ter o auxílio de um instrutor. O coração bate acelerado e o checklist é lido em voz alta, assim como os procedimentos a serem executados na cabine. Com o avião conectado ao planador através de uma corda e em poucos segundos, o planador deixa o solo, o avião decola e o piloto ri sozinho, numa mistura de emoção e felicidade.
As mulheres conquistam cada vez mais o seu espaço e não poderia ser diferente em relação à aviação.
A Piloto Ada Rogato recebeu a 1ª licença feminina de piloto de planador, em 1934, no Clube Paulista de Planadores - Campo de Cumbica. E no dia 13 de abril de 2019, no Aeroclube de Bebedouro, a então aluna Gabrielly Teclak alçava seu voo solo, sendo a primeira mulher a realizá-lo em Bebedouro.
Gabrielly destaca que a paixão começou há 5 anos com uma visita ao Aeroclube de Bebedouro, onde foi recepcionada pelos alunos e instrutores, conheceu o planador, os instrumentos de voo e sentiu o peso do paraquedas ao entrar pela primeira vez na aeronave; segundo ela, nascia sonho de voar. Aproximadamente um ano depois, passando pela Rodovia Brigadeiro Faria Lima, Gaby Teclak observou um planador pousando e resolver acompanhar as operações de pouso e decolagens e não saiu mais do aeroclube, fez o seu primeiro voo e a sensação foi incrível, passou pela validação médica, pela banca da ANAC, começou as aulas práticas de pilotagem e no sábado dia 13 de abril de 2019 ocorreu seu voo solo. Apesar de o dia amanhecer chuvoso, não desistiu e foi voar, realizando assim o seu voo solo, curtindo todo o voo. Gaby agradeceu a todos pelo apoio e pela emoção do voo e no pouso, onde todos esperavam a piloto.   
É preciso sensibilidade e instinto apurado para pilotar um planador. Os movimentos são sempre muito delicados, assim como as reações da aeronave. O painel de instrumentos tem somente instrumentos básicos da aviação: bússola, velocímetros, altímetro, indicador de razão de subida e descida e um item crucial para planadores, uma espécie de detector de correntes ascendentes e a intensidade desses fenômenos.
O comando da aeronave é por manete e pedais e o único comando extra é manete para acionar os defletores das asas, que atuam como freios aerodinâmicos para reduzir a velocidade. Na maioria dos planadores de instrução, o único instrumento eletrônico é o rádio.
“Para as mulheres é até mais fácil, pois o planador exige movimentos delicados. Do meu ponto de vista, pela sensibilidade que nós temos, fica um pouco mais fácil”, afirmou Valéria Caselato, presidente da FBVV (Federação Brasileira de Voo a Vela), parabenizando Gabrielly Teclak pelo solo. 

 


Deixe um comentário