Entre em sua conta



Crie sua conta


Dados Pessoais

Endereço

Dados da Conta


Gabinete do Prefeito já gastou mais de R$ 87 mil em viagens em 2019

23 de julho
000

Prefeito é responsável por R$ 81.543,95 dos gastos com viagens e cinco servidores gastaram, ao todo, R$ 5.129,47

Que o prefeito Fernando Galvão (DEM), está sempre viajando, não é grande novidade para ninguém. Mas os gastos com viagens relativas ao Gabinete do Prefeito nunca foram divulgados.
A reportagem de O Jornal resolveu, então, analisar o site Transparência e traz, com exclusividade, quanto custa aos cofres públicos as viagens, diárias e adiantamentos, relativas ao Gabinete do Prefeito. Nem todos os gastos são necessariamente das viagens do prefeito Galvão, já que aparecem outros servidores utilizando dos recursos para deslocamentos e despesas miúdas, conforme o leitor pode observar ao longo da reportagem. 
Separamos nesta reportagem os gastos com viagens do prefeito, viagens de outros servidores e as despesas miúdas com discriminação e as que não constam descrição até a nossa análise do site, na quarta-feira (10). O total geral gasto com as viagens do prefeito, viagens de outros servidores e as despesas miúdas representam R$ 88.217,15.
No caso do prefeito, apenas o servidor pode ficar com o dinheiro, como acontece com a Câmara, onde um servidor comissionado ou concursado é que fica responsável pelo dinheiro. Neste caso, aparece o motorista do prefeito, Valdecir Augusto da Silva, como o responsável pela viagem.  
Ao todo, tomando por base os valores auferidos no site Transparência, o prefeito gastou R$ 81.543,95 com viagens do dia 10 de janeiro (primeira data mostrada), até o dia 02 de julho. Destes, R$ 25.019,68 não constam o destino ou a especificação da despesa, correspondendo ao período de 29 de maio a 02 de julho, segundo consulta realizada por O Jornal no dia 10 de julho. 
Dos servidores que utilizaram recursos para viagens, 5 aparecem no site. Alexandre Aparecido da Silva Ribeiro, secretário, foi o que utilizou mais vezes (4 no total), resultando em R$ 1975,00 de despesas. Maria José Guessi da Silva utilizou 2 vezes, mas foi a que menos gastou: R$ 90,10. Depois, uma vez cada e por ordem de valores, aparecem Heire Paula Alves Montagner, assessora de imprensa, com R$ 1500,00, Paulo Sérgio Garcia Sanchez, Diretor de Gabinete, com R$ 815,72 e Laila Talita da Silva Ferrari, secretária, com R$ 748,65. Somadas, estas viagens resultaram de R$ 5.129,47 de despesas. 
Adiantamentos para “despesas miúdas de pronto pagamento” somam R$ 734,40 e foram feitas pelos secretários Alexandre Aparecido da Silva Ribeiro (uma vez) e Laila Talita da Silva Ferrari (duas vezes).
O site informa o período em que o dinheiro ficou com o servidor, mas não necessariamente se o valor foi gasto durante todo o período. Dá a entender que representa o dia em que o dinheiro foi retirado e o dia que o relatório das despesas foi entregue e as sobras, em caso de haver, foram devolvidas. 


Deixe um comentário